55 11 5571.2525
OK

  • Home > 
  • Escolha o seu Roteiro > 
  • América Central e Caribe > 
  • Panamá > 
  • Pacotes de viagens para Panamá com especialistas > 

Pacotes de viagens para Panamá com especialistas

A localização deste país constitui por si só um de seus principais atrativos: liga o norte e o sul do continente americano e marca a passagem das águas mornas caribenhas e as águas frias do Pacífico.

Devido à sua posição estratégica, o país conviveu com tropas do Exército norte-americano por cerca de 85 anos. Neste período, foi construído o Canal do Panamá, com 79,6 km e três sistemas de eclusas, cujo projeto foi concluído ao longo de 10 anos. Suas atividades chegaram a representar 14% do PIB anual nos anos 80, mas hoje rende pouco mais de 6%. Atualmente, é uma experiência de interesse turístico e cultural à parte.

O turismo constitui uma das atividades de maior impacto para a economia do país. O Mar do Caribe atrai visitantes interessados em cruzeiros luxuosos, resorts mergulhos e outros esportes aquáticos como o surf. O Panamá também abriga uma floresta tropical com mais de 700 espécies de pássaros e a infra-estrutura herdada da dominação norte-americana foi adaptada, transformando-se em hotéis e museus.

Com 2,8 milhões de habitantes, bom índice de qualidade de vida, investimentos estrangeiros e riquíssima mistura de etnias e religiões o país se destaca na América Latina. Desde a deposição do ditador Manuel Noriega, em 1989, não tem mais Forças Armadas. O inglês é uma língua bem difundida tendo em vista a circulação de pessoas de todo o mundo que chegam e parte de seus portos, rodovias e aeroportos.

onde fica


Visualizar Cia Eco - Viagens de Experiência em um mapa maior

viajante Cia Eco

"Fomos bem atendidos toda vez que procuramos a agência para contato. Achamos só que na contratação desse nosso passeio havia certa demora para cada dúvida surgida, mas entendemos após o retorno essa necessidade devido aos diversos contatos que eram feitos, e que foram todos cumpridos."

[veja mais]

Saídas regulares

Panamá - 3 dias

Personalize o seu roteiro com a consultoria Cia Eco!
Saídas diárias até dezembro de 2017
Pagamento em 10x
Valor a partir de
US$ 176,00 parte terrestre
Validade: dezembro de 2017

Panamá - Arquipélago Bocas del Toro - 6 dias

Cidade de Panamá, Bocas del Toro, Tour pelas ilhas e Baía dos Golfinhos
Saídas diárias até outubro de 2017
Pagamento em 10x
Valor a partir de
US$ 1.188,00 parte terrestre
Validade: outubro de 2017

Panamá - San Blas - 6 dias

Lodges à sua escolha
Saídas em datas específicas
 
Consulte valores com nossa equipe

Panamá - Playa Blanca - 6 dias

Personalize o seu roteiro com a consultoria Cia Eco!
Saídas diárias
 
Consulte valores com nossa equipe

Panamá - 7 dias

Cidade do Panamá e visita a Eclusa de Miraflores
Saídas diárias até dezembro de 2017
Pagamento em 10x
Valor a partir de
US$ 455,00 parte terrestre
Validade: dezembro de 2017

Panamá - Natureza e Cultura - 8 dias

P. de Bastimentos, Índios Emberás, Arquipélago de San Blás
Saídas em datas específicas
 
Consulte valores com nossa equipe

Destinos conjugados

Costa Rica e Panamá - 11 dias

San José, La Fortuna, Quepos, Cidade do Panamá
Saídas diárias
 
Consulte valores com nossa equipe
*Os preços nessa página – a partir de – estão listados em reais, dólares americanos ou euros (conforme especificação).
A taxa sobre transações/remessas internacionais (IRRF) não está inclusa no valor dos pacotes.
A tabela completa com todos os valores, de acordo com o período da viagem, encontra-se disponível em cada roteiro. Clique no título para visualizar todas as informações.
Os preços estão sujeitos à alterações sem aviso prévio. Consulte tarifas especiais para os feriados e datas comemorativas.


Principais Atrações


Cidade do Panamá: localizada na entrada do Oceano Pacífico para o Canal do Panamá, a capital do país ,com sua arquitetura moderna, é o mais importante centro comercial e cultural da região. As opções de entretenimento são as mais variadas, com destaque para os shows de jazz e os bares. Guarda ainda nos arredores uma preciosidade: sua cidade velha. Visite próximo da cidade:

Casco Antigo: depois da destruição da primeira cidade do Panamá como consequência do ataque do pirata Henry Morgan, foi fundado em 1963 o que se conhece hoje por Casco Antigo, uma antiga cidade tombada pela UNESCO como patrimônio da humanidade. Boa parte de seus muros ainda estão de pé e a parte interior passa por um processo de restauração com galerias, restaurantes e lojas. A vida política e cultural era intensa na cidade e muitos dos acontecimentos políticos que deram origem à formação da república panamenha ocorreram ali. Ainda guarda várias construções da época colonial com influências espanholas e francesas.

Canal do Panamá: essa é a principal atração do país hoje. Considerada a oitava maravilha do mundo, é imperdível uma visita às eclusas de Miraflores. Ver um barco passar por essa fantástica obra de engenharia é uma das melhores formas de contemplação panamenhas.

Caminho do Oleoduto: esse foi um caminho construído na Segunda Guerra Mundial para transportar petróleo, caso o Panamá fosse bombardeado. Hoje, fica dentro do Parque Nacional Soberanía, centro de estudos sobre a fauna e flora locais. Em 1985, foram identificadas 385 espécies diferentes de pássaros em 24 horas nessa área e há trilhas para se explorar o local.

Ilha Taboga: conhecida como a ilha das flores, fica bem próxima da cidade do Panamá e chega-se até ela por ferry boat em um percurso que dura 50 minutos (saem dois barcos por dia do pier 18 Balboa). É a maior ilha do Panamá com 571 ha, e possui praias de areia branca, ótimas para banhos de sol e prática de snorkeling. Não existem ruas e estradas pela ilha, o que a torna mais atrativa para passeios. A área de proteção de seua florestas abriga uma das maiores colônias de pelicanos marrons do mundo. As baleias corcunda aparecem de agosto a outubro.

Museo del Canal Interoceánico de Panamá: é parada obrigatória para todos os visitantes. Documentos históricos e exibições interativas contam a sua história dos tempos pré-colombianos aos dias atuais, passando pela chegada dos espanhóis e pela construção do canal.

Museo Antropológico Reina Torres de Araúz: o acervo de 15 mil peças pré-colombianas do museu de antropologia apresenta artefatos dos primeiros residentes do país, uma coleção de huacas de ouro, vestimentas e instrumentos de trabalho da fazenda.

Museo Afroantillano: situado dentro da Iglesia de la Misión Cristiana, esse pequeno museu presta tributos aos 30 mil índios que trabalharam na construção do canal. Em exibição, réplicas de casas, fotos antigas e antiguidades do início do século 20.

Museo de Arte Religioso Colonial: no antigo convento Santo Domingo, famoso pelo Arco Chato, está exposto o acervo de 220 peças de arte religiosa, vestígios dos séculos 17 e 18 – e da arte colonial barroca. Destaque para as esculturas de madeira, os itens de metal e couro e os sinos de igrejas.
Panama Viejo: são nada menos que 23 hectares por onde visitantes encontram ruínas de edifícios conectados por passagens com sinais em inglês e espanhol. A área tem um parque com pistas de corrida, além de uma das vistas mais bonitas da Cidade do Panamá.

Parque Nacional Bocas Del Toro: lá são encontrados impressionantes corais, peixes tropicais e excelentes praias com águas cristalinas para mergulho. Outro atrativo são as praias da ilha Carenero, San Cristobal, a ilha dos Pájaros, Cayo de Água e Zapatillas.

Arquipélago de San Blas: possui 1.160 km de água cristalina azul turquesa e 365 ilhas onde só 49 são habitadas. Nelas vivem os Índios Kunas, uma das ultimas tribos indígenas do Caribe que ainda conservam suas tradições e raízes. São eles que fazem a recepção dos visitantes e os levam aos seus Lodges , cabanas básicas e rústicas sem grandes facilidades como telefone e eletricidade. Praticar esportes náuticos nesta região preservada e saborear pratos preparados pelos índios como pescados e mariscos acompanhados de arroz com coco é uma experiência excepcional.

Bocas del Toro: província situada na divisa do Panamá com a Costa Rica composta por seis grandes ilhas e aproximadamente 200 ilhotas. Atrai amantes do mergulho e do surfe graças às suas longas praias de areia branca e águas transparentes. Dentre os pontos principais estão as praias da Ilha Bastimentos, a Baía dos Golfinhos, o Parque Natural da Ilha Red Frog e a Ilha dos Pássaros, que serve de refúgio a centenas de aves migratórias.

Dicas

Documentação: O brasileiro pode visitar o Panamá por até 90 dias sem visto. Basta apresentar o passaporte na chegada com validade mínima de 6 meses.

Vacina: É obrigatório a apresentação do Comprovante Internacional de Vacina contra Febre Amarela. Lembrando que ela deve ser tomada, no mínimo, 10 dias antes da viagem.
Importante: Desde o dia 1º de junho de 2008, as vacinas NÃO são mais aplicadas nos postos da Anvisa em Aeroportos e Portos do Estado de São Paulo. Nestes locais serão realizadas somente trancrições de certificados nacionais para internacionais. Para mais informações e esclarecimento de dúvidas,dirija-se ao posto de saúde mais próximo ou consulte o Ambulatório de Medicina do Viajante: 55 (11) 5084-5005 begin_of_the_skype_highlighting              55 (11) 5084-5005      end_of_the_skype_highlighting, na Avenida Borges Lagoa,770. É importante ligar para agendar uma visita.
Em São Paulo,o passageiro pode dirigir-se aos postos localizados nas Rodoviárias do Tietê (aberto diariamente, das 8h às 22h) e Barra Funda (aberto diariamente, das 8h às 20h).

Fuso Horário: - 2h em relação ao horário de Brasília.

Moeda: A moeda local é o balboa, mas só existe em forma de moedas para pequenos trocos. O dólar americano circula livremente.

Gastronomia: na cozinha panamenha não faltam arroz, castanhas, leite de coco e muita banana, seja em forma de purê, frita, assada, refogada, al dente ou soutée ou como acompanhamento de carnes, aves e pescados.


Melhor Época

Por se situar próximo da linha do Equador, as temperaturas no país variam muito pouco ao longo do ano (ficam entre 25º e 30ºC) e a diferença só é maior em altitudes elevadas. A umidade é um fator sempre presente, em razão da maritimidade e das densas florestas tropicais e a costa caribenha recebe maior quantidade de chuva anual (2500 mm) do que a costa pacífica (1500 mm). A melhoro época para visitar o país é durante o verão, que vai de dezembro a abril. O inverno vai de maio a dezembro e compreende a estação chuvosa do ano, com pesadas tempestades.

Cia Eco - Agência de Viagens e Turismo
Rua Sena Madureira, 515 - Vila Mariana
São Paulo/SP - CEP 04021-051
Fone: 55 11 5571.2525 | E-mail: comercial@ciaeco.tur.br
Cadastur: 26.010039.10.0001-7
Acesse nossas redes sociais
Empresa Associada

INTERNACIONAIS


África

África do Sul
Botsuana
Cabo Verde
Etiópia
Madagascar
Marrocos
Moçambique
Namíbia
Quênia
Tanzânia
Tunísia
Uganda e Ruanda
Zâmbia e Zimbábue

África do Norte e Oriente Médio

Egito
Irã
Israel
Jordânia
Líbano
Omã

América Central e Caribe

Anguilla - Caribe
Antígua e Barbuda - Caribe
Aruba - Caribe
Bahamas - Caribe
Barbados - Caribe
Bonaire - Caribe
Costa Rica
Cuba
Curaçao - Caribe
Guatemala
Ilhas Virgens Britânicas - Caribe
Jamaica
Panamá
Porto Rico
República Dominicana
Santa Lucia - Caribe
St Barths - Caribe
St Maarten - Caribe
Turks e Caicos - Caribe

América do Norte

Alasca
Califórnia
Canadá
Havaí
México
Parques Nacionais Americanos
Rota da Música

América do Sul

Amazônia Peruana
Bariloche e Villa La Angostura
Buenos Aires
Colômbia
Cordilheira Blanca
Cuzco e Machu Picchu
Deserto de Atacama e Altiplano
Galápagos
Ilha de Páscoa
Lago Titicaca, Arequipa e Colca
Lagos Andinos
Lima
Mendoza
Nazca, Ica e Paracas
Patagônia Argentina
Patagônia Chilena
Península Valdés
Pucón
Quito, Cuencas e Avenida dos Vulcões
Salar de Uyuni e Altiplano
Salta e Jujuy
San Martín de los Andes
Santiago do Chile
Ski na Argentina
Ski no Chile
Trujillo e Chiclayo
Uruguai
Ushuaia
Venezuela

Antártida

Antártida

Ásia e Extremo Oriente

Bali
Butão
Camboja
Cazaquistão
China
Índia
Indonésia
Japão
Laos
Malásia
Mongólia
Myanmar
Nepal
Rússia
Sri Lanka
Tailândia
Tibet
Uzbequistão
Vietnã

Europa

Alemanha
Armênia
Azerbaijão
Bélgica
Croácia
Escandinávia
Espanha
Finlandia
França
Geórgia
Grécia
Islândia
Itália
Leste Europeu
Portugal
Reino Unido
Suiça
Turquia

Ilhas do Índico

Ilha Mauritius
Ilhas Maldivas
Ilhas Seychelles

Oceania

Austrália
Nova Zelândia

Tahiti e Pacífico Sul

Ilhas Fiji
Tahiti e suas ilhas


NACIONAIS


Centro Oeste


Goiás

Chapada dos Veadeiros

Mato Grosso do Sul

Bonito
Pantanal Sul

Mato Grosso

Alta Floresta
Chapada dos Guimarães
Pantanal Norte
Serra do Roncador


Nordeste


Alagoas

Litoral Alagoano

Bahia

Abrolhos
Chapada Diamantina
Ilha de Boipeba
Itacaré
Morro de São Paulo
Península de Maraú
Praia do Forte
Trancoso e Ponta do Corumbau

Ceará

Jericoacoara
Litoral Cearense

Maranhão

Chapada das Mesas
Lençóis Maranhenses e Rota das Emoções
São Luis

Paraíba

Litoral Paraibano
Vale dos Dinossauros e Sertão da Paraíba

Pernambuco

Fernando de Noronha
Litoral Pernambucano

Piauí

Serra da Capivara

Rio Grande do Norte

Litoral Rio Grande do Norte

Norte

Acre

Acre

Amazonas

Amazônia

Pará

Alter do Chão
Belém
Ilha de Marajó

Roraima

Monte Roraima

Tocantins

Jalapão


Sudeste


Minas Gerais

Estrada Real
Serra da Canastra
Serra do Cipó e Inhotim

Rio de Janeiro

Litoral do Rio de Janeiro

São Paulo

Petar e Eldorado


Sul


Paraná

Foz do Iguaçu
Ilha do Mel e Morretes
Reserva Ecológica do Sebuí

Rio Grande do Sul

Aparados da Serra e Cânions do Sul
Travessia Cassino-Chui

Santa Catarina

Florianópolis e Costa das Esmeraldas
Urubici e Serra Catarinense