55 11 5571.2525
OK

  • Home > 
  • Escolha o seu Roteiro > 
  • América do Sul > 
  • 65rgentina > 
  • Pacotes de viagens para San Martín de los Andes com especialistas > 

Pacotes de viagens para San Martín de los Andes com especialistas

San Martin de los Andes localiza-se na região dos Lagos Andinos, a 45 Km da fronteira chilena, à beira do Lago Lácar. Encravada na Cordilheira dos Andes, a sudoeste da província de Neuquén, tem acesso por estradas pavimentadas e aeroporto. Faz parte do Parque Nacional Lanín e está rodeada de bosques de colihue, pires, robles e ciprestes.

Nos mais variados cenários de San Martín de los Andes, a aventura pode estar presente. Além de esquiar em Chapelco na temporada de neve, existem inúmeras trilhas para trekking, travessias, cavalgadas, passeios de bicicleta e mountain bike. No verão, práticas de mergulho, caiaque e rafting são das mais emocionantes. Partindo do aeroporto de Chapelco, também é possível fazer sobrevôos de 30 min a 01h30 pela região. Além disso, a cidade é muito aconchegante e possui diversos atrativos urbanos.

Destinos conjugados

Travessia Pucón a San Martin de los Andes - 7 dias

Santiago, Reserva Natural de Huilo Huilo
Saídas em datas específicas
 
Consulte valores com nossa equipe
*Os preços nessa página – a partir de – estão listados em reais, dólares americanos ou euros (conforme especificação).
A taxa sobre transações/remessas internacionais (IRRF) não está inclusa no valor dos pacotes.
A tabela completa com todos os valores, de acordo com o período da viagem, encontra-se disponível em cada roteiro. Clique no título para visualizar todas as informações.
Os preços estão sujeitos à alterações sem aviso prévio. Consulte tarifas especiais para os feriados e datas comemorativas.


Principais Atrações

Praça San Martín: núcleo histórico de San Martín de los Andes, em seu entorno estão os principais edifícios públicos - muitos deles com grande valor histórico e arquitetônico, além de lojas de artesanato local, doces, flores e frutas. Nela são realizados encontros cívicos e, em dezembro, eventos culturais que reunem músicos e artistas.

Parque Nacional Lanín: localizado na província de Neuquén, a 24 Km de San Martín de los Andes, possui variadas trilhas, de diferentes graus de dificuldade, como as que conduzem ao Escorial - memória de uma gigantesca erupção do vulcão Ayen Niyeu, às Termas de Lahuén-Co, ao Lago Tromen, ao Lago Rucachoroiao, ao pé do Vulcão Lanín - cuja ascensão é uma atração a parte. É recomendável informar-se na sede do Parque as condições dos caminhos, principalmente no inverno, seus horários e restrições. A extensa área que ele abrange proporciona atividades como pesca, caça, passeios de barco. O Parque está inserido no circuito dos Sete Lagos, que une a cidade de San Martín de los Andes à Villa la Angostura.

Vulcão Lanín: é um vulcão inativo de 3.776 metros de altura em forma cônica. O cume está coberto de neve e gelo durante o ano todo. As espécies florestais predominantes em seu entorno são a lenga, o mire e a araucária.

Cerro Chapelco: Dentro do Parque Nacional Lanín, a apenas 14 km de San Martín de los Andes, está a tradicional estação de ski Chapelco. Reconhecida pela paz e tranqüilidade que transmite aos seus visitantes, tem modernos meios de elevação e pistas de todos os níveis que desafiam desde os principiantes até os esquiadores mais experientes. Sua altitude na base é de 1.250 metros e no pico 1.980 metros. Possui 22 pistas, sendo 20% para experts, 30% nível avançado, 25% nível intermediário e 25% para principiantes. Além disso, são 12 ski-lifts funcionando das 9 às 18h.


Lago Huechulafquen: localizado a 27 Km de Junín de los Andes. Faz divisa com o Parque Nacional Lanín, o Rio Chimehuín e o Vale do Hueyelthue, ideal para a prática de esqui. Sobre sua margem norte está a Comunidade Mapuche Cañicul.

Reserva Natural do Centenário: Criada com o objetivo de preservar o entorno paisagístico de bosques ciprestes (Austrocedrus chilensis), localiza-se no Cerro Comandante Díaz. Há áreas recreativas com jogos infantis, local para pic-nic com mesas, bancos e grelhas, além de um mirante de onde se avista a cidade de San Martín de los Andes, o Lago Lácar e o Cerro Bandurrias.

Mirante Arrayan: Durante todo o ano, é possível visitar este mirante de onde se tem uma vista belíssima da cidade de San Martín de los Andes e do Lago Lácar.

Lago Lácar: O Lago Lácar é um dos espelhos d'água mais importantes de San Martín de los Andes. Com 50 km² de superfície, forma belas praias dentre as quais se destacam Catrite e Quila Quina, que estão a 4 e a 17 Km do centro da cidade, respectivamente. Quila Quina é famosa pelos bosques de vegetação nativa ao seu redor e em ambas é possível praticar esportes náuticos e aquáticos, além de desfrutar de passeios em barcos. Há restaurantes e lojas de artesanato mapuche em seu entorno.

Estação de Captura e Reprodução de Peixes: à beira do Lago Lácar, situa-se este projeto ambiental que visa aumentar a efetividade reprodutiva de algumas espécies de peixes. As visitas podem ser monitoradas, quando um guia explicará os objetivos e funcionamento das etapas do projeto, e, dependendo do dia, pode-se acompanhar a captura e o processo de desova dos peixes. É possível agendar visitas monitoradas.

Dicas

Documentação: Para brasileiros, não há necessidade de visto para a entrada na Argentina. O único documento exigido é a Carteira de identidade em bom estado de conservação, foto recente e no máximo 10 anos de emissão (a contar com a data de embarque). Não são aceitas para embarque: Carteira Nacional de Habilitação ou carteiras emitidas por entidades de classe (CREA, OAB, CRM). Se levar o passaporte, deixe sempre guardado no cofre do hotel e ande com sua carteira de identidade original.

Ligações para o Brasil: para realizar chamadas a cobrar, utilize os códigos da Argentina: 0800 9995500 ou 0800 9995503 da Telefônica, ou 0800 5555500 da Telecom, depois escolha o idioma no qual deseja ser atendido e por último escolha uma das opções de ligação:
1- Ligações automáticas;
2- Ligações com cartão telefônico;
3- Ligações com auxílio de operador.

Segurança: escolha as pistas de acordo com o seu nível de prática. Existem diversas pistas para os mais variados níveis, de fácil a difícil. Siga sempre o mapa de pistas e respeite as normas de segurança e sinalização das pistas.

Visto: para brasileiros não é necessário visto para entrar no país.
 
Equipamentos específicos para Esqui:
- ROUPAS: uma peça (macacão) ou duas (jaqueta e calça). Devem ser totalmente à prova de água e vento. Existem tecidos modernos que isolam o corpo, preservam a temperatura interna e facilitam a ventilação.
- LUVAS: um dos acessórios mais importantes. Existem na versão com dedos separados e aquelas que só tem um espaço separando o polegar. O importante é que sejam bem quentes, IMPERMEÁVEIS, e que o punho seja longo e possa ser bem ajustado para impedir que a neve entre. Para quem sente muito frio, o ideal é usar ainda uma luva de fleece por baixo.
Meias: atualmente exploram materiais que preservam o calor e facilitam a ventilação, impedindo que os pés transpirem e fiquem úmidos. Além de quentes, devem ser anatômicas e com proteções para as diferentes partes e articulações dos pés, reduzindo a chance de lesões. Existem meias específicas para a prática de esqui que podem ser adquiridas em lojas especiais, mas uma boa meia de caminhada já é suficiente.
- BOTAS: se você já é um esquiador relativamente freqüente, as botas são o primeiro equipamento mais caro que se deve comprar. O par de botas precisa estar bem confortável e adaptado aos pés, o que facilita muito a vida do esquiador. Vale a pena alugar uma bota de qualidade superior e pagar um pouco mais caro. Experimente vários modelos. As botas podem ser ajustadas e em geral, é necessário palmilha. Para alugar, procure alugar em lojas próximas às pistas, pois caso tenha que trocar, será fácil.
- ESQUIS: os mais largos são bons para neve bem fofa e esqui fora de pista. Os mais estreitos, com margens bem afiadas, são bons para esquiar em pistas duras e cobertas de gelo. Há também esquis para corrida e manobras radicais. Se você não for especialista, vale optar por esquis mais versáteis, que se adaptam bem a qualquer terreno. Como no caso das botas, vale a pena alugar esquis de qualidade superior e pagar um pouco mais caro.
- BASTÕES (poles): ajudam o esquiador a aprimorar sua técnica, em especial na hora de fazer as curvas e impor um ritmo. Para saber se o tamanho está correto, segure o bastão e apóie a ponta no chão. A flexão do braço deve ficar num ângulo de 90º.
Capacete: deve sempre ser usado, por questão de segurança. Por fora, deve ser rígido e por dentro, deve estar preparado para absorver e reduzir um eventual impacto. Use um gorro por baixo, para esquentar.
- ÓCULOS DE ESQUI (googles): protegem a região dos olhos do vento, do frio e do sol (escolha um com proteção UVA e UVB) e melhoram bastante a visibilidade. Imprescindível! Óculos de sol não servem quando tem neblina, está nevando ou faz frio.
Obs.: Para quem não possui equipamentos ou roupas específicas, há locais para aluguel ou compra no próprio centro de esqui, ou se preferir, pode adquirir na loja Rossignol, a única especializada em esqui no Brasil. Endereço: Rua Brigadeiro Luís Antônio, 1343 - 5º andar - Fone: 3177-6664. Lembramos que as promoções não encontram-se no site, somente na loja. Visite: www.rossignol.com.br


Melhor Época

San Martín de los Andes é uma ótima opção de viagem em qualquer época. Suas paisagens belíssimas, mudam de cor ao longo das estações do ano, que são bem definidas por lá. Para quem quer esquiar, a época de neve geralmente começa em junho e se estende até ínicio de setembro. Em dezembro, eventos culturais reunem músicos e artistas na Praça San Martín.

Cia Eco - Agência de Viagens e Turismo
Rua Sena Madureira, 515 - Vila Mariana
São Paulo/SP - CEP 04021-051
Fone: 55 11 5571.2525 | E-mail: comercial@ciaeco.tur.br
Cadastur: 26.010039.10.0001-7
Acesse nossas redes sociais
Empresa Associada

INTERNACIONAIS


África

África do Sul
Botsuana
Cabo Verde
Etiópia
Madagascar
Marrocos
Moçambique
Namíbia
Quênia
Tanzânia
Tunísia
Uganda e Ruanda
Zâmbia e Zimbábue

África do Norte e Oriente Médio

Egito
Irã
Israel
Jordânia
Líbano
Omã

América Central e Caribe

Anguilla - Caribe
Antígua e Barbuda - Caribe
Aruba - Caribe
Bahamas - Caribe
Barbados - Caribe
Bonaire - Caribe
Costa Rica
Cuba
Curaçao - Caribe
Guatemala
Ilhas Virgens Britânicas - Caribe
Jamaica
Panamá
Porto Rico
República Dominicana
Santa Lucia - Caribe
St Barths - Caribe
St Maarten - Caribe
Turks e Caicos - Caribe

América do Norte

Alasca
Califórnia
Canadá
Havaí
México
Parques Nacionais Americanos
Rota da Música

América do Sul

Amazônia Peruana
Bariloche e Villa La Angostura
Buenos Aires
Colômbia
Cordilheira Blanca
Cuzco e Machu Picchu
Deserto de Atacama e Altiplano
Galápagos
Ilha de Páscoa
Lago Titicaca, Arequipa e Colca
Lagos Andinos
Lima
Mendoza
Nazca, Ica e Paracas
Patagônia Argentina
Patagônia Chilena
Península Valdés
Pucón
Quito, Cuencas e Avenida dos Vulcões
Salar de Uyuni e Altiplano
Salta e Jujuy
San Martín de los Andes
Santiago do Chile
Ski na Argentina
Ski no Chile
Trujillo e Chiclayo
Uruguai
Ushuaia
Venezuela

Antártida

Antártida

Ásia e Extremo Oriente

Bali
Butão
Camboja
Cazaquistão
China
Filipinas
Índia
Indonésia
Japão
Laos
Malásia
Mongólia
Myanmar
Nepal
Sri Lanka
Tailândia
Tibet
Uzbequistão
Vietnã

Europa

Alemanha
Armênia
Azerbaijão
Bélgica
Croácia
Escandinávia
Espanha
Finlandia
França
Geórgia
Grécia
Islândia
Itália
Leste Europeu
Portugal
Reino Unido
Rússia
Rússia - Copa do Mundo 2018
Suiça
Turquia

Ilhas do Índico

Ilha Mauritius
Ilhas Maldivas
Ilhas Seychelles

Oceania

Austrália
Nova Zelândia

Tahiti e Pacífico Sul

Ilhas Fiji
Tahiti e suas ilhas


NACIONAIS


Centro Oeste


Goiás

Chapada dos Veadeiros

Mato Grosso do Sul

Bonito
Pantanal Sul

Mato Grosso

Alta Floresta
Chapada dos Guimarães
Pantanal Norte
Serra do Roncador


Nordeste


Alagoas

Litoral Alagoano

Bahia

Abrolhos
Chapada Diamantina
Ilha de Boipeba
Itacaré
Morro de São Paulo
Península de Maraú
Praia do Forte
Trancoso e Ponta do Corumbau

Ceará

Jericoacoara
Litoral Cearense

Maranhão

Chapada das Mesas
Lençóis Maranhenses e Rota das Emoções
São Luis

Paraíba

Litoral Paraibano
Vale dos Dinossauros e Sertão da Paraíba

Pernambuco

Fernando de Noronha
Litoral Pernambucano

Piauí

Serra da Capivara

Rio Grande do Norte

Litoral Rio Grande do Norte

Norte

Acre

Acre

Amazonas

Amazônia

Pará

Alter do Chão
Belém
Ilha de Marajó

Roraima

Monte Roraima

Tocantins

Jalapão


Sudeste


Minas Gerais

Estrada Real
Serra da Canastra
Serra do Cipó e Inhotim

Rio de Janeiro

Litoral do Rio de Janeiro

São Paulo

Petar e Eldorado


Sul


Paraná

Foz do Iguaçu
Ilha do Mel e Morretes
Reserva Ecológica do Sebuí

Rio Grande do Sul

Aparados da Serra e Cânions do Sul
Travessia Cassino-Chui

Santa Catarina

Florianópolis e Costa das Esmeraldas
Urubici e Serra Catarinense