EN PT
+55 11 5571-2525

Pacotes de viagens para Nova Zelândia com especialistas

Localizada na Oceania, a Nova Zelândia é geograficamente dividida em duas ilhas principais – Ilha do Norte e Ilha do Sul – e apresenta uma natureza exuberante, com belíssimas praias de areias claras, vulcões, montanhas nevadas, lagos de água quente, cidades sofisticadas e imensas florestas e parques, com fauna e flora preservadas, animais raros e clima agradável.

A Ilha do Norte é populosa e apresenta cidades bastante desenvolvidas. A principal é Auckland, o maior centro financeiro e cultural do país, com mais de um milhão de habitantes. Já Queenstown, localizada na Ilha do Sul, é o principal centro turístico da Nova Zelândia e abriga diversos lagos, montanhas e cânions, além de glaciares localizados ao sul da cidade.

Considerada o país dos esportes de aventura, a Nova Zelândia garante muita emoção aos seus visitantes. O Bungee Jump, por exemplo, foi inventado lá, na cidade de Queenstown, quando algumas pessoas começaram a achar graça em se lançar de uma ponte de 43 metros de altura. Mountain bike, vôo livre, esqui e snowboard, escalada, balonismo, canoagem, rafting, canyoning, mergulho e caminhadas são apenas algumas das possibilidades que a região oferece.

A Cia Eco oferece opções de saídas regulares semanais a partir de 07 dias. Os roteiros são variados e incluem as principais regiões nas ilhas do Norte e do Sul. Existem também roteiros independentes em ônibus que circula todo o país com variadas opções de itinerários. É possível ainda, para aqueles que dispõem de mais tempo, conjugar a mesma viagem com outros destinos, como Austrália.

Saídas regulares

Nova Zelândia - Abel Tasman - 7 dias

Abel Tasman National Park, Auckland
Saídas diárias
 
Consulte valores com nossa equipe

Nova Zelândia - 8 dias

Auckland, Rotorua, Queenstown
Saídas diárias
 
Consulte valores com nossa equipe

Nova Zelândia - Rota do Vinho - 8 dias

Napier, Wairarapa, Martinborough, Wellington, Marlborough
 
Consulte valores com nossa equipe

Nova Zelândia - Ski - 8 dias

Auckland, Queenstown
Saídas diárias
 
Consulte valores com nossa equipe

Nova Zelândia - Self Drive - 9 dias

Auckland, Matamata, Rotorua, Christchurch, Lake Tekapo, Wanaka, Queenstown, Milford Sound
Saídas diárias
 
Consulte valores com nossa equipe

Nova Zelândia Essencial - 9 dias

Auckland, Matamata, Rotorua, Christchurch, Lake Tekapo, Mt Cook, Milford Sound
Saídas às quartas-feiras
 
Consulte valores com nossa equipe

Nova Zelândia - Cultura e natureza - 10 dias

Auckland, Coromandel, Rotorua, Queenstown, Milford Sound
Saídas diárias
 
Consulte valores com nossa equipe

Nova Zelândia - Sabor, Natureza e Aventura - 10 dias

Auckland, Waiheke Island, Christchurch, Manakau PurePod, Kaikoura com voo panorâmico, Queenstown, Milford Sound
Saídas em diárias
 
Consulte valores com nossa equipe

Paisagens da Nova Zelândia - 14 dias

Auckland, Matamata, Rotorua, Lake Tekapo, Wanaka, Queenstown, Franz Josef, Greymouth, Punakaiki, Kaikoura e Christchurch
Saídas em datas específicas
 
Consulte valores com nossa equipe

Nova Zelândia - 16 dias

Auckland, Wellington, Nelson, Queenstown, Mount Cook, Christchurch
Saídas diárias
Valor a partir de
 parte terrestre

Nova Zelândia Completa - 19 dias

Auckland, Rotorua, Wellington, Nelson, Wanaka, Queenstown, Mount Cook, Christrchurch
Saídas diárias
 
Consulte valores com nossa equipe

Destinos conjugados

Austrália e Nova Zelândia - 17 dias

Sydney, Cairns, Melbourne, Queenstown, Rotorua, Auckland
Saídas diárias
 
Consulte valores com nossa equipe

Nova Zelândia e Ilhas Fiji - 12 dias

Ilhas Mamanucas, Auckland, Queenstown
Saídas diárias
 
Consulte valores com nossa equipe

Nova Zelândia e Dubai - 14 dias

Auckland, Christchurch, Mount Cook, Queenstown, Dubai
Saídas diárias
 
Consulte valores com nossa equipe

Viagem em familia

Nova Zelândia em Família - 10 dias

Auckland, Matamata, Rotorua, Wellington e Queenstown
Saídas diárias
 
Consulte valores com nossa equipe
*Os preços nessa página – a partir de – estão listados em reais, dólares americanos ou euros (conforme especificação).
A tabela completa com todos os valores, de acordo com o período da viagem, encontra-se disponível em cada roteiro. Clique no título para visualizar todas as informações.
Os preços estão sujeitos à alterações sem aviso prévio. Consulte tarifas especiais para os feriados e datas comemorativas.


Viajante Cia Eco

Diana e Jorge A viagem foi maravilhosa e desfrutamos intensamente de todos os momentos, o itinerário combinado foi cumprido à risca e com pontualidade germânica....

Principais Atrações

Auckland: conhecida como a Cidade das Velas, Auckland é a porta de entrada e a maior cidade do país, com 1 milhão e meio de habitantes. Está situada entre baías e espremida entre o mar da Tasmânia e o oceano Pacífico, apresentando fácil acesso a diversas praias e outros atrativos naturais, como o extinto vulcão Monte Eden. Também merecem destaque os atrativos culturais da região, como o Museu de Auckland, que abriga uma rara coleção de artefatos maori. Aventura: é possível conhecer as cavernas de Waitomo através de rios praticando o Black Water Rafting, ou particando rapel, num trecho de 100 metros.


Christchurch:
com evidente influência inglesa, é conhecida mundialmente por seus restaurantes, cafés, excelentes museus e jardins. Christchurch e seus arredores apresentam planícies coloridas de Canterbury, e a possibilidade de encontrar as baleias em Kairoura, assim como esquiar no Tasman Glacier, no Mount Cook, de 3.754 metros de altura.

Geleiras Fox e Franz Josef:
as famosas geleiras da Costa Oeste, únicas no mundo devido à proximidade com o mar, são acessíveis por caminhos que levam até plataformas panorâmicas. Próximo a Franz Josef, está a pequena cidade de Wanaka, porta de entrada do Mount Aspiring National Park, região dominada por geleiras, e conhecida pela prática de pesca, caminhada e escaladas. Aventura: na região de Wanaka há a opção do "Tandem Skydive", o salto duplo de pára-quedas. Outra boa opção é a Siberia Experience, que inclui vôo sobre montanhas, caminhada e jet boating.

Queenstown:
para quem gosta mesmo de aventura, Queenstown é parada obrigatória. Rios, cânions e corredeiras oferecem fortes emoções e uma enorme variedade de atividades , incluindo Sky- diving, rafting , bungee jump, jet boat, passeios de helicópteros e trekking nos fiordes neozelandeses. A cidade também é conhecida pelas pistas Remarkables e Coronet Peak, atraindo esquiadores do mundo inteiro. A região abriga ainda o Parque Nacional Fiordland abriga os famosos fiordes, compostos por uma paisagem bastante diversificada: mar e montanhas de 2000 metros de altitude, e pode ser conhecido através de um cruzeiro. 

Rotorua:
localizada na Ilha do Norte, Rotorua abriga incríveis paisagens e inúmeras atrações: cavernas, vulcões inativos e enormes lagos. Rotorua impressiona pela reserva termal de Whakarewarewa, com fortes geisers, quedas d'água quente e lagos. Também marecem destaque as manifestações culturais dos Maori, através de shows ou da arte, no instituto Maori de Arte. Cruzando a região central da Ilha do Norte, as paisagens são belas: Lago Taupo, o maior do país e Parque Nacional Tongariro. Aventura: após subir uma montanha de onde se tem uma bela vista do Lago Rotorua e da região, você pode descê-la em alta velocidade nos "luges" (uma mistura de carrinho de rolemã e bicicleta). Há a opção de rafting no Rio Kaituna e várias trilhas no Parque Nacional Tongariro.

Wellington:
a capital da Nova Zelândia é uma das mais interessantes cidades do mundo, onde convivem velhos prédios históricos com modernas estruturas arquitetônicas. Foi construída com vista para a Baía de Port Nicholson, de águas transparentes, embora receba uma grande quantidade de navios e barcos. Possui uma agitada vida cultural e noturna com diversas apresentações artísticas, museus bares, cafés e restaurantes. É uma cidade que oferece excelentes opções de estudo, trabalho e alta qualidade de vida.

Dicas

Bagagem: é permitida 2 malas com 30 Kg por passageiro, além da sacola de mão de 8 Kg. Lembre-se de identificá-la e fechá-la com cadeado

Vacina: nenhuma vacina é exigida para viajar pela Nova Zelândia

Documentação: para quem fica até 3 meses na Nova Zelândia, não é necessário visto. Apenas o passaporte precisa ser válido por pelo menos 6 meses, na data de entrada.

Fuso Horário: + 15 horas em relação a Brasília.

Idioma: inglês

Moeda: é o dólar neo-zelandês. Para ter uma idéia do valor do câmbio, você pode consultar: www.cotacao.com.br.

Imperdível: não deixe de visitar algumas cidades na ilha sul da Nova Zelândia, como Christchurch e Queenstown. Se você tem espírito de aventura, não perca a oportunidade de saltar de bungee-jump na Nova Zelândia, local onde a atividade surgiu. Visite também o glacial Franz Josef e aproveite para fazer uma escalada no gelo.

Gastronomia:  a cozinha neozelandesa tem influência inglesa e também asiática. Muitos pratos são à base de carne de ovelha.Os tradicionais pubs também servem pratos típicos. A água é pura e tratada com flúor e cloro.

Embaixada: contato da embaixada da Nova Zelândia no Brasil (61) 3248-9900

Alfandêga Brasileira: ao desembarcar no Brasil, são permitidos objetos de uso pessoal, roupas e brinquedos e U$500 em eletrônicos, mais U$500 de Free Shop.

Cuidados: é sempre bom levar um casaco corta vento e chuva para as caminhadas nas regiões montanhosas. Antes de viajar, confira a previsão do tempo (http://br.weather.com) e o check list que será entregue após a confirmação de sua viagem. Em caso de dúvidas, por gentileza, entre em contato com os consultores da Cia Eco.

Aluguel de veículos: é muito comum turistas alugarem um carro ou trailler para conhecer o país. Lembre-se, no entanto, que o neo-zelândes dirige do lado esquerdo da estrada. Para os turistas que vão se aventurar pelas trilhas do Parque Nacional Fiordland, em Queenstown, vale a lembrança: o local é bem sinalizado. Para mais informações sobre Nova Zelândia, visite o site: www.purenz.com

Emergências: disque 111 para chamar a polícia, bombeiros ou ambulâncias. Não disque 911.


Melhor Época

A Nova Zelândia possui clima temperado, com invernos moderados e úmidos, e verões quentes e secos. Para quem deseja esquiar, os meses indicados são de junho a meados de outubro. Da segunda metade de outubro até dezembro, a temperatura torna-se mais agradável, os campos ficam mais verdes e floridos, as cachoeiras e os rios ajudam a compor paisagens espetaculares. O mês de janeiro coincide com as férias dos neozelandeses e assim, os preços tendem a aumentar e os atrativos recebem um maior fluxo de pessoas. Por fim, entre fevereiro e maio, o clima também favorece a visitação. As folhas das árvores ganham tons de vermelho e amarelo, compondo belos cenários para fotografia.